Em ano de feriados prolongados, veja 6 dicas para se organizar nos estudos

2018 será ano recorde de feriados prolongados e eles podem ser um grande aliado; alunos precisam se preparar desde já para não atrasar os estudos

Em 2018, serão 12 feriados nacionais, onde apenas dois cairão no final de semana (Páscoa, 01 de abril, domingo; Tiradentes, 21 de abril, sábado), resultando em um recorde de feriados prolongados (que caem quinta ou terça-feira) durante o ano. Além disso, 2018 é um ano de Copa do Mundo, onde muitas escolas optam por parar as atividades nos dias de jogos da Seleção Brasileira, o que pode acontecer de ter mais alguns dias livres no decorrer do ano. Ainda em 2018, haverá eleições para Presidente da República, Governadores, e Deputados Estaduais e Federais.

Com tantos acontecimentos previstos, pode parecer difícil planejar os estudos. Por isso, o coordenador pedagógico do Sistema de Ensino pH, Fabrício Cortezi, selecionou 6 dicas essenciais de como se organizar e ainda assim aproveitar os feriados, os jogos do Brasil na Copa e ainda dar a devida atenção às eleições. Confira:

– Tenha um calendário sempre em mãos

Marque as datas dos acontecimentos mais importantes do ano em um calendário físico, ou até mesmo no celular. Provas escolares, data dos vestibulares, dias em que haverá jogos do Brasil na Copa do Mundo e também o dia das eleições. Tudo isso e mais aquilo que for importante para o seu ano letivo deve estar no seu calendário para te ajudar na organização.

– Dedique ao menos 2h do dia para estudar, assim não precisará perder todo o feriado

Manter uma rotina de estudos durante os dias de aulas normais faz com que, no feriado, você não precise ficar tanto tempo estudando. Quando tiver alguma data comemorativa, o ideal é fazer um planejamento da semana inteira para que o estudo não fique de lado e ainda dê tempo de descansar. Segundo Fabrício Cortezi, o estudo diário é fundamental. “Independentemente da idade, o estudante que se esforça e aperfeiçoa diariamente seus métodos de estudo certamente conseguirá boas notas. Esse é o segredo para se obter um excelente resultado”, afirma.

– Dedique tempo extra a matéria que você tem mais dificuldade

Muitas disciplinas têm seus conteúdos interligados, o que pode gerar atraso nos estudos, principalmente se alguma parte dessa matéria não entrar na cabeça. Com isso, o conteúdo pode ir acumulando e virando uma bola de neve, resultando em uma nota baixa no final. Segundo Cortezi, o segredo para alcançar o sucesso nos estudos é ter disciplina e foco. Já a quantidade de tempo gasto nos livros não é necessariamente sinônimo de eficiência. “Cada estudante tem sua forma única de absorver conteúdo. Aquele que demora seis horas para estudar não é menos inteligente comparado ao que demora três ou até uma hora. Todos são capazes, mas cada um tem seu tempo” diz Cortezi. “É compreensível quando o aluno prefere estudar primeiro as disciplinas favoritas, pois é prazeroso ler e escrever sobre o que gosta. Porém, ao rever somente essas matérias, menos será estudado as outras disciplinas – aquelas que não se tem tanta afinidade. Isso pode ser perigoso”, conclui.

– Aproveite para fazer resumos e exercícios de provas e vestibulares de anos anteriores

Se você ainda está na escola e precisa estudar para as provas bimestrais ou semestrais, peça para seu professor uma lista de exercícios, ou utilize todos aqueles que estiverem disponíveis em seu material didático. Se o seu caso é estudar para vestibular, baixe na internet provas dos anos anteriores da universidade que você mais quer entrar, Fuvest, Unesp, Unicamp, entre outras. Tire um dia para fazer todo o simulado (ou os exercícios) para testar sua resistência e para se acostumar com o ambiente de prova. Não deixe que nada te interrompa nesse momento.

– Leia notícias diariamente, inclusive nos dias de folga

Ler notícias diariamente, além de ampliar o vocabulário, ajuda a se atualizar e colabora para a formação do senso crítico. Seja vestibulando ou aluno no Ensino Fundamental ao Médio, adquirir o hábito da leitura desde cedo auxilia na elaboração de melhores argumentos para uma produção de texto. Então não perca tempo, leia todo dia!

– Não se esqueça de descansar!

Viajar, sair com os amigos e aproveitar um domingo com a família são coisas importantes para que o psicológico permaneça forte para enfrentar os desafios dos estudos e a pressão antes de provas decisivas. Fabrício Cortezi pontua que pode ocorrer de o estudante ficar ansioso principalmente nos períodos de provas finais, mas isso pode ser evitado através do autoconhecimento. “É preciso estar ciente dos seus limites e seus horários de maior produtividade, e entender com naturalidade a ocorrência de dias de baixo rendimento”, conclui. É importante perceber que uma horinha de descanso é necessária pode ajudar de maneira

Leia também