Xô crise: planejamento financeiro é a solução

Dicas de como planejar o seu futuro com estabilidade financeira

O momento da crise é sempre um período de muita reflexão e planejamento. A estratégia, pensada como forma de construir o futuro, é o caminho para enfrentar tempos difíceis. Nesse cenário de mudança contínua, estar programado é muitas vezes a única alternativa para não ser pego de surpresa e comprometer resultados.

Infelizmente o planejamento pessoal nunca é levado em consideração porque, socialmente falando, não somos condicionados à planejar nossas finanças desde pequenos. E na verdade essa é o caminho para conseguir organizar um futuro favorável e equilibrado para você e sua família.

A palavra crise assusta e gera um caminho de instabilidade, quando na verdade o processo deveria ser apenas de cautela, uma vez que que você já preparou seu campo de batalha. Se esse não é o seu caso, como então se “armar” para superar essa situação?

O planejador financeiro Julio Rosa responde. “Alguns passos simples e comuns fazem parte da receita para conseguir visualizar seu futuro antes mesmo que ele aconteça. Você deve traçar metas para o ano todo, revisando suas finanças e gastos pessoais. Procure aplicativos de controle financeiro para facilitar seu dia a dia e principalmente saiba onde investir. Crise não é sinônimo de segurar o dinheiro e sim saber onde pode aplica-lo. Busque facilitar suas decisões e separar suas despesas pessoais das empresariais. E por último, como forma de auxílio, procure empresas que possam lhe guiar para um planejamento financeiro“.

O mais comum é observar que o senso coletivo se preocupa mais com o “agora” e não com o “depois”. Por isso, é fácil ver muitas pessoas aplicando o dinheiro em sensações momentâneas e passageiras. Quando a dificuldade bate à porta, é preciso fazer um verdadeiro malabarismo para conseguir passar por situações adversas em tempos difíceis como os de crise.

Nesse caso específico, a economia pode vir do corte de gastos como coisas supérfluas ou buscando alternativas, através de trabalhos criativos para trazer suprimento financeiro para dentro de casa. A crise faz com que você reveja os gastos, trace novos objetivos, novos investimentos e mude a maneira como você pensa em dinheiro. Pelo lado otimista, é sim um tempo de aprendizado e amadurecimento para o futuro“, conclui Julio Rosa.

A palavra de ordem nesse caso é antecedência. Estamos no momento ideal para desenhar o panorama do próximo ano, desde metas e possíveis cenários. Isso faz com que você, ou sua empresa, esteja mais seguro para distribuir verbas ou poupar economias. É uma forma geral de preparar o terreno para o grande vilão que é a crise.

 

Leia também