Afinal, a suplementação com multivitamínicos é eficiente?

Nutricionista esportivo esclarece a importância das vitaminas e minerais para atletas e pessoas que praticam atividade física regularmente

Os multivitamínicos são suplementos que reúnem vitaminas e minerais com funções extremamente importantes e adaptadas as diferentes necessidades. Esse tipo de suplementação ganha mais importância entre pessoas que, devido a uma intensa rotina, incluindo a prática regular de atividades físicas, não conseguem se alimentar da maneira mais saudável.

A dieta da grande maioria das pessoas é deficiente em vitaminas e minerais, por isso é tão comum, e recomendável, o uso de multivitamínicos para complementar a oferta dietética”, diz Diogo Círico, nutricionista esportivo da Growth Supplements. Segundo o especialista, o público praticante da musculação e outras atividades físicas, pode se beneficiar com o uso dos multivitamínicos, que ajudam a melhorar a performance nos exercícios, atuando na capacidade de crescimento e recuperação muscular.

Como consumir

De acordo com Círico, os multivitamínicos podem ser consumidos em qualquer hora do dia, porém é válido combiná-los com uma refeição que ofereça uma fonte de lipídios de boa qualidade, pois assim facilita a absorção dos nutrientes. Outra dica é ingerir os suplementos com pelo menos quatro horas de intervalo, antes ou depois dos treinos.

A seguir, veja algumas das principais vitaminas e nutrientes para atletas ou pessoas que praticam atividades físicas regularmente.

Vitaminas do complexo B          

O complexo B é um conjunto de vitaminas extremamente importantes para diversas funções metabólicas do nosso corpo. Elas podem ser encontradas em alguns alimentos, e também de maneira concentrada nos suplementos para suprir as quantidades que o corpo necessita no dia a dia. Fazem parte desse complexo as vitaminas B1 (Tiamina), B2 (Riboflavina), B3 (Niacina), B5 (Ácido Pantotênico), B6 (Piridoxina), B7 (Biotina), B9 (Ácido Fólico) e B12 (Cobalamina).

Vitamina C          

A vitamina C participa de processos celulares de oxirredução, funcionando como um potente antioxidante natural. O efeito da suplementação nutricional de atletas com nutrientes antioxidantes, especialmente com a vitamina C, tem sido amplamente usado como forma de prevenir e/ou minimizar os danos causados pela formação de radicais livres em alto nível durante a atividade física.

Vitamina D      

Em pesquisas com atletas e indivíduos normais, observou-se que baixos níveis de vitamina D estão associadas a maiores percentuais de gordura, e também a menor desempenho em força quando comparados a indivíduos com concentrações de vitamina D adequadas. Ou seja, uma quantidade menor de vitamina D no corpo significa menos força física e mais gordura. Por isso, é importante investir na quantidade adequada dessa substância para um melhor desempenho físico.

Vitamina E

A vitamina E é altamente importante aos atletas. A sua presença no organismo garante não só uma rotina saudável, mas auxilia também em casos de treino intenso. A vitamina E ganha destaque justamente por atuar como agente antioxidante no organismo. Esse fator se mostra importante especialmente para quem pratica musculação. A suplementação com essa vitamina garante a redução do desgaste produzido pela oxidação.

 

 

 

Leia também