Dust Cedar: a cor em destaque neste inverno

Cor, versátil e sofisticada, chega para substituir o Marsalla, muito usado no inverso passado.

Se no inverno passado a cor que dominou todas as tendências foi o Marsala – cor escolhida pela Pantone e inspirada em um vinho -, este ano, o tom Dusty Cedar chegou para dar um tom mais sóbrio ao guarda-roupa e virar aposta entre os fashionistas.

Dusty-Cedar

A atriz Diane Kruger apareceu com uma versão glamorosa da cor no tapete vermelho do Oscar 2016.

Diane Kruger Oscar 2016

Fabiane Mandarino, Brand Stylist Especialista em Cores e fundadora da Academia da Cor e Design (RJ), explica o motivo da tonalidade estar em destaque. “O Pantone Dusty Cedar acena para a cor de Pantone do ano de 2016, Rose Quartz, sendo um tom mais adequado para o outono/inverno. Um matiz de rosa terroso e aquecido, como uma sombra rosa. Ele é sofisticado, com complexidade, e transmite  aconchego, intimidade e acolhimento. É ideal para substituir o Marsala ou Nude, muito usados nas estações anteriores, além de ser versátil. Combinaria perfeitamente com Cobre Rosado, por exemplo”, detalha a especialista.

dusty ceder

A estilista Julia Manhaes, do Atelie Valentinas, sugere que a cor seja trabalhada com tons metálicos, que também estão em alta. “Para aquecer o look o ideal é combinar com o prata ou cobre. O tom é bem sóbrio e pode ter um toque de cor nos detalhes. Mulheres com pele clara ficaram ainda mais deslumbrante, já as morenas devem valorizar a tonalidade com mix de cores como nude, rosa quartzo, bege, preto e tons pasteis”, finaliza.

 

Leia também