Clareamento dental: o segredo de um sorriso branco

Procedimento pode ser feito em casa ou no consultório odontológico, mas ambas opções requerem avaliação e, mesmo o tratamento caseiro, exige acompanhamento profissional.

Os sorrisos brancos nunca tiveram tão em evidência. Dentes claros chamam a atenção e se tornaram marca registrada de quem quer estar com boa aparência. Biologicamente é impossível manter os dentes brancos sem nenhuma intervenção, pois diversos fatores como estilo de vida, alimentação, tabagismo e até mesmo doenças, fazem com que, naturalmente, os dentes fiquem amarelados. Algumas pessoas, com cuidados constantes com sua saúde bucal, conseguem ter o sorriso com uma tonalidade mais clara, porém aqueles dentes “super brancos”, somente com clareamento.

Clareamento-Dental

Existem, basicamente, dois tipos de tratamento para deixar os pacientes com o sorriso mais branco: o clareamento químico, feito no consultório, e o clareamento com a moldeira, em que o paciente faz em casa o procedimento.
moldeira

Há uma diferença no processo entre os dois tratamentos, porém o resultado é o mesmo, como explica o Doutor Leandro Vieira, da Clínica Ortodontia Líder, de Paranaguá. “No tratamento caseiro, o paciente preenche a moldeira de silicone com um gel que contém a substância clareadora em menor concentração, e a utiliza todos os dias, por três a quatro semanas. Já o outro método é feito exclusivamente em consultório, utilizando um gel com concentração muito maior de ativo clareador, potencializado por uma fonte de luz, como LED ou laser. São necessárias duas ou três aplicações, uma por semana, mas já dá para sentir os resultados na primeira sessão. Em ambos os procedimentos o paciente consegue ter o mesmo efeito estético no sorriso. O que varia é o tempo”, comenta.

c-825x360

Apesar de não existir contraindicações para quem deseja fazer clareamento, há uma ressalva para quem tem dentes sensíveis, pois o procedimento penetra nos dentes, o que causa uma hipersensibilidade e pode resultar em dor. Então, o indicado é que o paciente esteja ciente de que, se tem dentes sensíveis, a chance do processo ser dolorido é grande.

pic_4897

O Doutor Leandro alerta para o cuidado pós-tratamento. “Depois de realizar o clareamento, é preciso ter atenção redobrada com a alimentação, pois os dentes ficam mais permeáveis e a chance de absorver os pigmentos dos alimentos é maior. É proibido ingerir comidas e bebidas com corantes como beterraba, refrigerante, café, vinho tinto, feijão, suco de uva e chás”, explica.

13162414_1369784919714128_2006869264_n

O Doutor Leandro Vieira enfatiza os cuidados com a alimentação pós clareamento.

Confira algumas informações importantes sobre clareamento dental:

– Nem todos os pacientes ficam com o sorriso “super” branco. O resultado do clareamento depende da pigmentação natural dos dentes de cada pessoa;

– Não existe tratamento em sessão única, porém é possível sentir diferença já na primeira sessão;

– Os resultados duram em média de um a dois anos, tudo depende dos cuidados que o paciente tem com a alimentação;

– Cremes dentais clareadores possuem apenas abrasivos, então dão a sensação de branqueamento instantâneo, porém não removem manchas em camadas internas dos dentes;

– O método a laser é mais caro, porém mais rápido;

– O maior vilão do sorriso branco é o cigarro, pois a nicotina amarela os dentes.

Consulte sempre seu dentista!

 

Leia também